Sapatinho para bebê: como escolher o sapato ideal para bebês que ainda não sabem andar?

Sapatinho para bebê: como escolher o sapato ideal para bebês que ainda não sabem andar?

Apesar dos bebês ainda não andarem, os sapatinhos para eles são uma verdadeira fofura, e isso é um fato. Mas antes de deixarem seus filhos usarem essa pequena peça, algumas mães têm o questionamento se é permitido que eles usem.

Calma, os sapatos são permitidos sim, mas devem seguir algumas restrições, porque nessa fase o bebê está desenvolvendo o sistema motor, e com isso os pés estão em crescimento, as mãos estão tendo maior mobilidade e as pernas estão em movimento.

Logo, o sapato não deve interferir em nada disso e ser um auxiliador nessa fase. Para saber qual o modelo ideal para o seu bebê, separamos algumas dicas que irão resolver todos os seus problemas na hora da compra e ainda ajudar você a selecionar o melhor modelo no mercado.

  1. Sapatinhos para bebês até seis meses de idade

Até então, nessa fase, os sapatos são meramente decorativos, pois os bebês ainda não andam, e ainda vão demorar para desenvolver essa função motora. Logo, o objetivo principal é proteger os pés frios dos pequenos, das batidas e da umidade, mas isso também pode ser feito com meias delicadas sem costuras.

Nessa fase, os sapatos devem possuir um material flexível, um fecho de velcro, um interior macio, sem costuras, uma sola de tecido, lisa e macia. Ainda deve incluir uma ponta redonda ou quadrada, mas sem ser muito apertado para não limitar os movimentos do bebê, com uma parte de trás macia, flexível e com uma elevação.

  1. Sapatinhos para bebês entre os seis meses e 18 meses de idade

Nessa fase eles já estão mais crescidos, e apresentam um maior desenvolvimento físico e motoro que no item acima. São nesses meses que o bebê começa a engatinhar, se levantar e eventualmente, andar. Por isso, os pequenos pés precisam estar protegidos das diferentes superfícies que irão pisar.

As recomendações sobre o sapato não mudam muito do item acima, o diferencial está na parte traseira, que deve ser um pouco mais alta. Mas sempre preste atenção, a peça ainda deve ser macia e flexível na parte de trás.

  1. Recomendações gerais

De modo geral, o sapato para o bebê deve ser macio e flexível, para não apertar os pequenos pés e não atrapalhar o desenvolvimento motor que acontece nessa idade.

Mas além desses detalhes, também é necessário ser do tamanho exato do pé da criança, acomodar todos os dedos sem ficar apertado e desconfortável, não ser pesado, estar firme na parte do calcanhar, ser antiderrapante e possuir um solado fino.

Além disso, não deixe que o sapato seja parte da rotina diária dos bebês, como mencionamos, essa fase é cheia de desenvolvimentos e os sapatos podem atrapalhar nesse processo. Então, deixe o sapatinho para eventos e saídas.

Se você está buscando um sapatinho para o seu bebê, a Blue Infantis é o lugar certo, além de aprender sobre eles, visite nosso site para encontrar o modelo ideal para o seu pequeno.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.